aa
ab
ac
ad
ae
af
ag
ah
ai
aj
Previous Next Play Pause

Em 15 de agosto de 2017, a professora Adriana de Carvalho Sipeert da

Escola Infantil Maria Barriquello

de Ijuí, RS, acessa uma rede social de Paulo e solicita-lhe permissão para estudar sua vida e sua obra com crianças de três anos de idade.

Uma vez lembrada que este pedido é desnecessário por tratar-se de algo já publicado, portanto, de domínio público, a professora desenvolve seu trabalho de forma que o artista consegue identificar nele especial atenção à metodologia utilizada e ao processo criativo destas crianças, sobre os quais busca enfatizar enumerando as legendas das imagens aqui apresentadas aleatoriamente, conforme a cronologia dos acontecimentos.

Neste estudo, ao (ad)mirar - no sentido de olhar aproximado para algo - particularmente a obra “Chimarrão”, as crianças não se contentam em (re)ler apenas a obra como ela é ou como foi concebida, mas surpreendem seus observadores acrescentando em suas produções a representação do próprio artista - com barba - ao lado da obra.

Lisonjeado por este reconhecimento, Paulo prestigia, durante o mês de setembro, o resultado de todo este trabalho, visitando, com sua irmã Maria Lúcia, a turma de crianças e professoras que o realizou e a mostra de arte da escola que também o sensibilizou, ocasião em que são recebidos com muito carinho e um saboroso mate doce - símbolos da tão decantada hospitalidade gauchesca.